Sejam bem vindo ao Blog Terapia Ocupacional de São José do Rio Preto - SP.

Aqui você fica informado sobre cursos, novidades da profissão, acompanha textos, deixa comentários e muito mais!
Tenho certeza que todos os Terapeutas Ocupacionais sentem falta de sites da nossa área.
Por isso, quero um blog que aproxime mais os profissionais, afim de trocarmos experiências, conhecimentos, informações e tudo o que for possível... além de lutar por nossa profissão, que é tão linda!!!
Ah! Aqui tem indicações de sites para leitura, com algumas partes que eu escrevi, e outros muito interessantes para acrescentar em nosso dia a dia.
Um abraço à todos os visitantes!

DEFINIÇÃO DE TERAPIA OCUPACIONAL

Terapia Ocupacional é a ciência que estuda a atividade humana e a utiliza como recurso terapêutico para prevenir e tratar dificuldades físicas e/ou psicossociais que interfiram no desenvolvimento do cliente em relação às atividades de vida diária, trabalho e lazer. É a arte e a ciência de orientar a participação do indivíduo em atividades selecionadas para restaurar, fortalecer e desenvolver a capacidade, facilitar a aprendizagem daquelas habilidades e funções essenciais para a adaptação e produtividade, diminuir ou corrigir patologias, promover e manter a saúde.



LOCAIS ONDE EXERCEM SUAS ATIVIDADES:

Hospitais Gerais; Ambulatórios; Consultórios; Centros de recuperação bio-psico-social; Sistemas Prisionais; Órgão de controle social; Creches e Escolas; Empresas.


Sobre mim:

Mestranda na Famerp - Rio Preto - SP

Especialista em Terapia da Mão e Reabilitação do Membro Superior;

Especialista em Terapia Ocupacional Dinâmica em Neurologia;

Aprimoramento em Terapia Ocupacional;

Confecção de órteses estáticas, dinâmicas e progressivas;

Aplicação de bandagem terapêutica Kinesiotaping;

Consultoria para empresas que contratam pessoas com deficiência;

Cursos em que me capacitei: Neuropsicologia em Terapia Ocupacional; Integração Sensorial; Psicomotricidade;

Supervisão de casos clínicos e orientação de pesquisas;

Instagran: @pryscilla_to

Site: www.cirurgiadamaoriopreto.com.br

Fanpage: www.facebook.com/cirurgiadamao





Contato

Minha foto
São José do Rio Preto, SP, Brazil
Consultório de Terapia Ocupacional / Terapia da Mão (17) 3033-2430 / (17) 99716-8201 - Georgina Business Park - Rua Benedito Rodrigues Lisboa, n° 2675, bairro Jd Palmeiras - São José do Rio Preto - SP / pryscilla@gmail.com

sábado, 7 de fevereiro de 2015

Conheça algumas praias acessíveis no Brasil

Que maravilha!! Alguns locais do Brasil já existe esta acessibilidade!! (nota da terapeuta do blog).

Se você está pensando em viajar para uma região de praia pelo mundo é importante saber onde você pode encontrar praias acessíveis, onde você possa aproveitar melhor tudo que a região pode lhe oferecer.


Rio de Janeiro tem o projeto: Praia para Todos

Praia para todos

Com apoio de patrocinadores, o projeto integra pessoas com deficiência e de baixa mobilidade à natureza e ao esporte. O sonho é tornar o banho de mar uma atividade simples e acessível a todas as pessoas. A Praia para Todos atende cerca de 50 pessoas por dia e conta com profissionais de educação física e fisioterapeutas.

Bertioga/SP tem o projeto: Praia Acessível

Praia Acessível

O projeto Praia Acessível foi criado em 2010 pelo Governo do Estado de São Paulo, o programa disponibiliza as chamadas “cadeiras anfíbias”, feitas com pneu especial, que possibilitam cruzar a areia e alcançar o mar em segurança.

Em Recife tem o projeto: Praia sem barreiras

Praia sem barreiras


Está em atividade na praia de Boa Viagem, conta com cadeiras anfíbias, quadra para vôlei sentado, cardápios em Braille e rampa para cadeiras de roda.

Temos muitas outras praias que contam com projetos, busquem maiores informações no site do governo do seu estado, vale a pena conferir!

Fonte: Deficiente físico

 

APLICATIVO CRIADO POR BRASILEIRO PARA FILHA COM PARALISIA É PREMIADO NA ONU

Não bastava para Carlos Pereira, 36, ter convencido investidores estrangeiros a criar em Recife, há quatro anos, uma sofisticada clínica de reabilitação, ideal para a filha Clara, 6, com paralisia cerebral. O pai queria poder falar com ela.Mas comunicar-­se era penoso. Se Clara queria um iogurte, o pai precisava tirar foto do alimento e distribuí-­lo em fichas para que ela as apontasse, já que a menina não consegue falar.
Foto de Carlos, sua esposa e sua filha na premiação
O pai negou­-se a limitar a filha a uma vida de apontar coisas. Analista de sistemas, deu voz a Clara há três anos, ao criar o Livox, um aplicativo para tablet. O app ganhou na terça (3), em Abu Dhabi, o reconhecimento da ONU, com o prêmio de melhor aplicativo de inclusão social do mundo.

Sigla de “liberdade em voz alta”, o Livox é mais do um fichário virtual de fotos. Para quem não tem firmeza nas mãos, caso de Clara, teclar “errado” seria corriqueiro e inviabilizaria o app.

Carlos desenvolveu, então, um algoritmo inteligente. Quando a pessoa com deficiência toca na tela, o algoritmo calcula quantos dedos estão teclando, por quanto tempo, se eles se arrastam ou não, e corrige este toque, de forma a “ler” o comando.

‘PRINCESA QUE NÃO FALA’

O app traz seções como “eu estou com…”, seguido de respostas “fome”, “sono”.

Pela voz feminina do Livox, Clara, hoje com seis anos, faz mais do que pedir um iogurte. Alfabetizou-se e escreveu pelo app um texto do livro de sua formatura da pré-escola.

Pelo Livox, Carlos soube qual era a princesa preferida da menina, a sereia Ariel.

“E por que, filha?”, perguntou. E ela respondeu, via app: “É que a Ariel também não fala”. Na história, a sereia perde momentaneamente a voz.

“Quando a levei na Disney, ela arregalou os olhos feliz ao lado da atriz vestida de Ariel, e me disse pelo Livox que realizei um sonho dela. Eu nunca saberia disso sem o app.”

A invenção extrapolou Recife. Hoje já são 10 mil usuários. Carlos deu palestras por todo país e propagou a “cria” em viagens para EUA, Inglaterra e Portugal.

Agora, Carlos quer desenvolver um projeto para que a filha, cadeirante, possa andar. “É segredo, ainda, mas é uma ideia fabulosa.”

Agora, nós brasileiros e terapeutas aguardamos ansiosamente ter acesso ao app (nota da terapeuta do blog).

Fonte: Deficiente físico

PESSOAS COM DEFICIÊNCIA TERÃO GRATUIDADE EM VOOS DA GOL

Uma determinação do Supremo Tribunal Federal (STF), proferida pelo ministro Joaquim Barbosa obriga a empresa aérea Gol a transportar de graça até dois passageiros portadores de deficiência em voos domésticos. A decisão foi anunciada em agosto e beneficia os deficientes que comprovem não ter condições de pagar pelos bilhetes aéreos e que possuam o passe livre interestadual.
No momento, apenas a Gol oferece este benefício. Para ter acesso à gratuidade, o passageiro deverá procurar a empresa 15 dias antes do voo para verificar disponibilidade de vagas pelo telefone 0300-115-2121.
Segundo o presidente da Federação de Entidades de Pessoas com Deficiência de Alagoas (FEDEFAL) , João Ferreira Lima, essa é mais uma grande conquista do movimento da pessoa com deficiência no Brasil. “Ressalto a decisão do Supremo Tribunal Federal  e entendo que assegurar o direito de gratuidade em passagens aéreas à pessoa com deficiência é uma forma de garantir livre direito de locomoção das pessoas com deficiência”, observa.
Segundo a federação, o aceso ao passe livre interestadual é destinado às pessoas com deficiência comprovadamente carente com renda familiar per capta igual ou inferior a um salário mínimo. Para ter acesso ao passe livre interestadual o portador de deficiência deverá entrar no site do Ministério dos Transportes http://www.transportes.gov.br e fazer o download dos formulários necessários.
Site: Deficiente físico

Curso para terapeutas ocupacionais